05 abril 2010

Secular

... adoro!
Há tanto que adoro
e já nem sei
se faço poesia
canto ou choro
naquele cantinho
escuro e santo
onde lamento
e imploro:
Venha logo o anjo
que tanto espero
suavizar esse banzo
com a cabeça em meu colo.




*** para ouvir: Sleeping to dream – Jason Mraz ***

2 comentários:

Leonardo B. disse...

[e todo o sitio, é um mundo!]

um imenso abraço, Joana

Leonardo B.

Assis Freitas disse...

banzo é uma saudade ancestral, atávica, como um mergulho no infinito. cheiro