30 novembro 2012

A linguagem do adeus

foto:ZerberuZ  

Pecado?
Ainda que seja não posso evitar
e repito baixinho:
"boa noite, meu amor..."
mesmo de tão longe,
mesmo em outros braços
lhe faço essa oração
como se ela fosse tocar seus lábios
agora.
Não posso proibir meu coração 
de lhe sentir
lhe venerar
enquanto você está por aí.
Vá meu amor,
viva,
que lhe guardo dessa janela cerrada.


*** para ouvir: Universally speaking - Red Hot Chili Peppers ***

29 novembro 2012

Talvez corrêssemos para o fim do mundo


Lembra quando eu disse:
"adoro o jeito como você sorri..."?
era a minha única verdade,
e naquele momento
meu coração estava totalmente aberto
(e eu de olhos fechados).
Mas sei, e soube desde o começo
que nada disso lhe importava,
que não lhe cabia
ou curava a dor em seu peito...
Mesmo que corrêssemos juntos
ou que eu tocasse seus cabelos
não era nada... não é nada...
agora,
há só esse pulsar barulhento
que me faz lembrar você
seus grandes olhos curiosos
e os únicos segundo que nossos lábios se tocaram...


*** para ouvir: Broken - Seether & Amy Lee ***

23 novembro 2012

Desmandamento


Em silêncio
me recriar
ficar nua aos teus olhos,
despida,
despudorada,
me abrigar sob tua pele
empurrar para longe as horas
de ficção
de obsessão.
Uso palavras desnecessárias
(quais não são?)
e te abraço.
Simples segundos de dispersão...


*** para ouvir: Wonderwall - Oasis ***

22 outubro 2012

Do vazio


Não!
Não sou desse tamanho
e não me cabe tanta tristeza!
Deixei agora de sentir,
e meu coração é só um músculo,
nada mais.
Não posso guardar essa saudade
melhor deixar passar.
Vai ficar um vazio aqui,
eu sei que vai,
mas é melhor que sentir...
é melhor que morrer.


*** para ouvir: Lullaby - Creed ***

09 outubro 2012

Origami


Minhas cores preferidas
se refletem em seus olhos
                           infinitos...
as canções mais lindas
são um sussurro em seus lábios
                                  perfeitos.

Só queria t(m)e fazer feliz...


*** para ouvir: Green Eyes - Coldplay ***

11 setembro 2012

Afago


Gritou o poeta:
-Deixe-me aqui sozinho
a observar o céu estrelado
com o peito assim,
apertado,
que num minuto te faço um poema,
novinho!
A culpa é da saudade discreta,
que inspira meu sofrer
a rimar com bem(te)querer.


*** Para ouvir: Meu amor é teu - Marcelo Camelo ***

30 agosto 2012

Enquanto olhava o céu...


Era a essa hora
que ele olhava pela janela
todos os dias
e contemplava o céu,
pensativo,
roendo as unhas.
Não sei se esperava a vida passar
ou observava as formas das nuvens.


*** para ouvir: O seu olhar - Arnaldo Antunes ***

24 agosto 2012

Bonança

foto: aoao2


Ainda bem
que li suas entrelinhas
no seu piscar de olhos.
Se não
agora eu seria escravo
de suas cores
seus cheiros
e tato.
Bati a porta e percebi,
pelo aperto no coração,
que apesar do desencanto
eu só queria fugir de mim
e me abrigar em você.


*** para ouvir: Bangalô - Djavan ***

30 julho 2012

Inocência

foto: aoao2


Lembra daquela época
em que tínhamos muito tempo
para as coisas desnecessárias?
Você jurava que podia ver
as estrelas piscando para você...
mas só quando estava muito escuro.

E eu sorria.


*** para ouvir:  She's thunderstorms - Arctic Monkeys ***

03 julho 2012

Traição


Você deixou seu cheiro
na cama,
no edredom,
no travesseiro,
que pena...
agora só vou dormir com eles
o ano inteiro!


*** para ouvir: Bom conselho - Chico Buarque ***

06 junho 2012

Apelos


Diz que não é verdade a sua partida,
que é apenas sonho, essa ferida.
Diz que não foi fantasia
aquele único beijo,
fugaz como despedida.
Diz pra mim, como num canto, que está tudo bem.
Me diz o que essas horas invertidas não sabem,
se um ano, um mês, ou nunca mais.
Diz, por tudo que me é caro,
que a música não termina aqui,
diz que fica agora, para que não haja volta.
Diz que me ensina a levitar
pelas janelas da sua alma,
e eu me derreto aos poucos,
em litros,
até o fim do seu palpitar.
Diz que se eu precisar
vai estar bem perto,
será só abrir a porta, abrir os braços
e não terei que correr.
Diz, em vão, que vai entender meu riso,
aquecer minhas mãos
e me proteger da chuva de verão.
Diz, diz agora, com todos os verbos,
ainda que meus ouvidos sejam pouco,
que o tempo para, que você fica, e me cala.
Diz que vamos juntos contar estrelas
e que seu querer inocente
vai me salvar do abismo.
Diz que será apenas trovão...
e não tempestade,
e que vai sentir no seu coração
meu pensamento em você.
Diz, entre sorrisos poéticos,
que nossa história não vai ser um eco,
um traço numa folha em branco,
um espelho quebrado
ou uma frase mal construída.
Diz assim, bem perto de mim
tudo o que eu quero ouvir
e eu te convido para dançar.
Eu prometo,
é só sentir o mundo girar.



*** para ouvir: A última guerra - Skank ***

29 maio 2012

Da infância

foto: Unda


Naquela árvore
um garoto, certo dia,
perdeu sua pipa
enroscada num galho.
Agora ele passa por ali
apressado
dirigindo para o trabalho
e o resto da pipa ainda lhe sorri...


*** para ouvir: Strawberry Swing - Coldplay ***

14 maio 2012

À jovem poetisa

foto: arquivo pessoal de Carol Parducci


Estás muito mais poética que seu mestre agora,
pois teu coração é cheio de doçura e frescor
e colhes paixões eternas nos campos da juventude.
A mim, restaram apenas estas mãos rudes
e a rotina quase indolor
de recitar os poemas de outrora
sem sentir fadiga ou saudade
- sequer um fio de saudade –
daquela alma sonhadora.
Já não sinto mais os suores febris
das velhas paixões pagãs,
aquelas que te matam
e te perdoam logo pela manhã.
Resta-me agora
apenas um ‘não posso’ como resposta
e a vilania do correr do tempo.
Vá sonhando, pequena poetisa,
plante lilases amorosos pelos versos urgentes
e imagine morangos doces
espalhados nos sonetos do caminho,
agora, que ainda és como Alice
e vive a rimar suas próprias maravilhas.


*** para ouvir: Bad reputation - Joan Jett ***


06 maio 2012

Janelas

foto: Gustavs

Até abrir as janelas
não sabia da ausência,
não sentia falta...
não sentia.
E até olhar por elas
não sabia o que seria
ou não seria.
Aquelas janelas
de negrume tão doce
e delirante
iluminou o que era antes
um brilho fraco e zen,
revolveu e amansou
o compasso em meu peito.
Aquelas janelas...
Quanta vida havia nelas?
Podia até tocar o céu
e o nada
que através delas
nunca seria demais.
Nunca foi demais.



*** para ouvir: God put a smile upon your face - Coldplay *** 

27 abril 2012

Quimera

foto: aoao2

Deixa esse desassossego
muda por dentro
e sorri...
Tenho dias assim
que sorrio sozinha
rio do nada
e fico feliz!
Sabe de uma coisa?
A dor às vezes alimenta,
mas é alegria
que nos satisfaz.
A tristeza machuca
tem espinhos
que cortam a boca,
rasgam a garganta
e ferem o coração...
não se deixe sufocar
com entulhos e sobras
desse mal-me-quer que sente,
faça-o poeira
e assopre,
não vai doer nada!
Qualquer dia desses
muda essa cara
deixa de ser macambúzio
e se junte a mim:
sorria, sorria!
Faça sorrir.


*** para ouvir: These days - Foo Fighters ***

01 abril 2012

Inscrição

foto: loserish


Sim,
era um não sei o que
dividindo os espaços
e acolhendo,
mas nunca saberia
se não ouvisse
os sinos daquela voz.
Enfim,
foi um não saber
do tempo, o todo,
que nunca importou
até tocar a pele quente,
sentir os olhos de aço
e a música do vento;
dançar nos braços
bailar nos abraços,
pedaços do paraíso
inscritos em mim.


*** para ouvir: Paradise - Coldplay ***

30 março 2012

Diamante

foto: frescendine  

Não grite...
aquela que lhe magoou
não ouvirá.
Tampouco chore, 
deixe que as lágrimas
lhe encharquem o coração.
Esse sorrir vazio já não seduz
e sua tristeza poética
ainda é novidade.
Esqueça, ame e guarde
pois tudo foi tão longe e louco
que até o fim da primavera
ficou para mais tarde.

(Seu coração de diamante foi marcado a carvão).


*** para ouvir: True love - Soldiers of Jah army ***

22 fevereiro 2012

Tétrico


Ébrio, ébrio, me entorpeço...
é tanta estrela no céu!
Quisera eu vê-las,
mas fiquei na noite de ontem,
com a querência que não dorme
e me cala,
mesmo sem ser nada,
espectro, centelha,
nada.


*** para ouvir: February stars - Foo Fighters ***

26 janeiro 2012

Pronto


Pronto,
meus cabelos estão do seu jeito
meus pelos
meu corpo inteiro
prontos
para o seu desejo secreto
de me esculpir.


*** para ouvir: Go down - AC/DC ***

25 janeiro 2012

Preterido


Todo o universo
pra gente se perder...
e nos perdemos
por menos que isso.


*** para ouvir: Todo o universo - Lulu Santos ***

24 janeiro 2012

Janeiros



É sempre o mesmo olhar perdido
sempre o mesmo céu nublado
essa falta de entendimento
do passado, por ter ficado
e da chuva, por ter caído.


*** para ouvir: 3am - Matchbox Twenty ***

11 janeiro 2012

Regresso

foto: AquaSixio


Me arrependo desse regresso
e me apego ao antigo drama
de emaranhar teus cabelos
repousar em teus músculos
me agarrar a teus pelos
a tudo que era antes
do desapego.
O desespero
de te sentir teso em meus braços
enquanto em silêncio te digo
que te guardarei casto
nas páginas do meu diário incauto.


*** para ouvir: Regret - New Order ***

09 janeiro 2012

Não te preocupes

foto: wojtar

Não te preocupes
que aquela doença
vai longe...
ontem.
Não te aborreças
que aquela saudade
saiu...
esqueça.
Do olhar de antes
- lacrimejante -
porta fechada,
luz apagada,
mais nada.



*** para ouvir: Ando meio desligado - Marisa Monte ***