17 abril 2010

Acalanto

Só abro exceção
à seus olhos,
grandes e claros,
e à seu coração
de desejos
infantes e raros.
Quero acreditar
que é você em mim
quando quase sonho,
dormindo acordada,
ou que são seus olhos,
grandes e claros,
a única exceção
de meu devaneio.
Meu coração
de desejos ardentes
lhe espera,
tolo e sóbrio,
enquanto sorrio.



*** para ouvir: Slow dance - John Legend ***

Um comentário:

Fouad Talal disse...

Ei Jô!

(Eu tenho certeza...rs)
Não conhecia o Milonga!
Vou visitar mais...

Beijos!