04 dezembro 2009

Horário de verão

Hoje vi esse sorriso, tão divino!
que por ele:
teceria mil colchas de retalhos;
juntaria os cacos;
me retalharia em postas;
e se não fosse em vão
lhe faria uma resenha;
escreveria um romance;
arrancaria seus olhos frios
e no lugar, diamantes
para adornar seu sorriso lascivo.

O dono do sorriso, tão menino!
não buscava ser perfeito
mas, que remédio,
se o mal já estava feito?

 
 
*** para ouvir: Falling Away With You - Muse ***

Um comentário:

Marco A. disse...

Olá Joana, fico muito contente em "vê-la" acompanhando o que escrevo; e estarei aqui também não como forma de retribuição, mas como reconhecimento pelo que vi e li; gostei bastante de "Drowing", me lembra Leminski, o que é muito bom.

Abraços Marco