04 março 2013

Sob o azul

foto: nagsoto  

Uma imaginação fértil me fez 
ver timidez naqueles grandes olhos
mascarando um vil desejo.
Com criatividade desenhei
beijos daqueles lábios róseos
e calor nas faces vermelhas.
Viajando,
retrocedendo.
era apenas ilusão ardendo
nos corpos não juntos
e na falta de ar.
Em sonho meu coração disparado,
as mãos postas sob o peito
ritmado. Escancarado.


*** para ouvir: Angel blue  - Green Day ***

2 comentários:

Aline Bencke disse...

Ótimo poema, adorei!
Beijos ♥

Louca Indecisão

Isa disse...

Amei!

Gostei muito do blog. Seguindo!

Beijos,
Isabelle.
http://verbosdiversos.blogspot.com.br/